.
“Os fariseus e os escribas tomaram as CHAVES DA GNOSIS. Eles não entraram e nem deixaram entrar aqueles que queriam entrar. Vós, no entanto, sede sábios como a serpente e manso como as pombas”
( JESUS CRISTO – Evangelho de São Tomé )

"Seguramente, cada um que receba um Mistério do Reino da Luz, irá e herdará até à região na qual recebeu Mistérios. Porém, não conhecerá ... a Gnose do universo e porque é que tudo isto surgiu a menos que conheça a UNA e Única Palavra do Inefável que é a Gnose do Universo. ..... E de novo vos digo abertamente: EU SOU A GNOSE DO UNIVERSO"
.
(Jesus Cristo em Pistis Sophia, o livro sagrado do cristianismo gnóstico primitivo)

.

Em Defesa da Divina Gnosis do Cristo.

Em Defesa da Divina Gnosis do Cristo.
JESUS CRISTO, Grande Mestre Gnóstico e Chefe da Loja Branca.
.
.

Epilepsia, o Karma da Mediunidade.



Mediunidade; fenômeno psíquico contra a natureza.

Alertamos os médiuns que estão sendo enganados por entidades que se dizem 'espíritos' para ditar-lhes mensagens, dizendo-se ainda "mestres ascencionados",  "extraterrestres", "seres de luz" etc.

__ ALAN KARDEC -  Hippolyte Léon Denizard Rivail ( Alan Kardec ) foi um professor francês de ciências e letras que ficou conhecido por compilar mensagens mediúnicas de diversos médiuns, codificando-as nisso que se chama hoje de doutrina espírita com suas inumeráveis deturpações sobre a LEI DO KARMA, as LEIS DE RETORNO E REENCARNAÇÃO, as LEIS DE EVOLUÇÃO E INVOLUÇÃO , as LEIS DE NASCIMENTO E MORTE etc. etc. , resultado de mensagens deturpadas, além de mentiras ditadas por entidades do mundo astral inferior ( região dos falecidos ) aos seus médiuns enganados. Informamos aos nossos leitores que O NOSSO LAR está muito longe de ser o CÉU, porque a falsa doutrina espírita não conhece os céus e muito menos os ANJOS, os SERES SUPERIORES , bem como os SERES EXTRATERRESTRES VERDADEIROS e jamais irá conhecê-los por ser uma FALSA DOUTRINA.  A seita kalkiniana prega o desenvolvimento do mediunismo como meio de comunicação com falecidos, transgredindo frontalmente as LEIS DE DEUS, cujas consequências kármicas para os médiuns é a epilepsia numa próxima vida.  Esse é o legado deixado pelas entidades que falsamente se dizem "espíritos" aos seus servos médiuns enganados.

Se o leitor ver tipos dizendo-se gnósticos de Samael e curtindo ou divulgando frases de médiuns ou de canalizadores ( que é a mesma coisa ) e indicando links espíritas, tenha total segurança de que trata-se de perfis disfarçados que fingem serem da Gnose de Samael , com toda certeza. Leia mais em: 
http://gnosesamaelgnosisgnosticos.blogspot.com.br/2013/10/lista-de-websites-disfarcados-de.html
Não adianta fazer caridade se a doutrina é falsa, melhor seria fazer somente a caridade , assim evitaria-se inclusive usar a prática da CARIDADE como elemento de divulgação de uma falsa doutrina.

Recordemos as palavras de Jesus Cristo em Pistis Sophia, o evangelho sagrado dos cristãos gnósticos primitivos, quando alertou-nos sobre as FALSAS DOUTRINAS:
"Dizei-lhes então: Aqueles que venham até vós, se as suas palavras se harmonizam, se ajustam na Gnose Completa com as palavras que Eu vos disse, recebê-los-ei como se fossem nossos. Isto é o que deveis dizer aos homens quando pregardes, que devam ter cuidado com as FALSAS DOUTRINAS". ( V.M. Jesus, o CRISTO ) 

É oportuno frisar e esclarecer que, no desenvolvimento mediúnico, a pessoa põe-se sem contato com os falecidos e entidades desconhecidas muitas vezes demoníacas e enganadoras, cujo transe mediúnico, de cara, nos mostra toda aquela alteração gestual psíquica, denunciando, destarte, um procedimento visivelmente antinatural, por estar ali havendo uma flagrante interferência psíquica como acontece no budismo mediúnico através dos oráculos de Nechung.
oráculo de Nechung.
Em contraposição, no desenvolvimento gnóstico a ESSÊNCIA põe-se em contato direto com seu SER DIVINAL ESPIRITUAL por estar unida a ELE, posto que a Essência/Alma é parte DELE, é parte do SER ÍNTIMO.

No desenvolvimento mediúnico os chacras giram de forma negativa, inversa e involuntária. No desenvolvimento gnóstico os chacras giram positivamente, de forma natural e consciente, proporcional ao desenvolvimento da consciência, através da eliminação do ego pela petição a Divina Mãe interior ( Deus como Mãe )

No gnosticismo chegamos ao conhecimento superior e verdadeiro através da Essência/Alma/Consciência do ÍNTIMO ( ou Átman ), nosso REAL SER. No mediunismo chega-se tão somente ao conhecimento subjetivo, equivocado, superficial e enganoso da qual originou a doutrina espírita, a ufologia ashtariana ( Ashtar Sheran ), aufologia mediúnica, os falsos mestres ascencionados canalizados da chama violeta da
The Summit Lighthouse, os falsos extraterrestres canalizados de diferentes escritores mediúnicos, a lei de thelema do demônio AIWASS que foi ditada mediunicamente à sua besta 666 Aleister Crowley  etc. e etc.



É oportuno informar que mediunismo e canalização é a mesma coisa. O mediunismo não se restringe apenas ao espiritismo e a vida física ou tridimensional, visto que depois que o médium falece, ele continua com a sua mediunidade na vida astral lunar, de tal modo que agora o seu CORPO LUNAR é que incorpora as entidades oportunistas ( muitas delas magos negros do mundo mental lunar - são os mais dissimulados! ), com o grande risco de se apartar de uma vez de seu próprio SER DIVINAL... Estas criaturas se disfarçam de mestres, de Jesus Cristo, de Saint Germain, de anjos celestiais, de extraterrestres e de seres evoluídos para ditar uma doutrina totalmente diferente da VERDADE. Eles costumam inventar ESTÓRIAS distorcendo a realidade sobre o karma,  a reencarnação, a evolução, sobre Deus, sobre os Anjos, os Extraterrestres e sobre a vida celestial que eles não conhecem e nem pertencem etc. etc. etc. Há milênios já alertava-nos o Grande Mestre Gnóstico Jesus, o Cristo, sobre o LOBOS VESTIDOS COM PELE DE OVELHAS.
Quisera os nossos amigos médiuns compreendessem estas questões mais ocultas, para poderem sair rapidamente deste grande engano. Fica aí o ALERTA!

A ESSÊNCIA não é LEGIÃO DE EUS

Escreveu o Mestre Samael:

”Muitas escolas pseudo-esotéricas e pseudo-ocultistas dividem ao EU em dois, asseguram enfaticamente que temos UM EU SUPERIOR, DIVINO, IMORTAL e creem que dito EU SUPERIOR ou EGO DIVINO, deve controlar e dominar totalmente o EU INFERIOR.
Este conceito é totalmente falso porque SUPERIOR e INFERIOR são duas seções de uma mesma coisa. Ao EU lhe encanta dividir-se entre superior e inferior. Ao EU lhe agrada pensar que uma parte de si mesmo é divina, eterna, imortal. O EU gosta que o louvem, que lhe rendam culto, que o ponham nos altares, que o divinizem, etc. Realmente, não existe tal eu superior, tal ego divino. O único que temos dentro dos CORPOS LUNARES é a ESSÊNCIA e a LEGIÃO DO EU. Isso é tudo.
ÁTMAN, o SER nada tem que ver com nenhum tipo de EU. O SER é o SER e está muito além de qualquer tipo de EU. Nosso REAL SER é impessoal, cósmico, inefável, terrivelmente divino. Desgraçadamente o animal intelectual não pode ENCARNAR ao seu REAL SER ( ÁTMAN-BUDDHI-MANAS ), porque tem unicamente CORPOS LUNARES e estes últimos NÃO RESISTIRIAM a tremenda voltagem elétrica de nosso verdadeiro SER; então, morreríamos.

Os demônios que habitam entre os corpos lunares não estão presos dentro de ditos corpos animais. Normalmente entram e saem e viajam a diferentes lugares ou perambulam subconscientes pelas diferentes regiões moleculares da natureza. Depois da morte, o eu pluralizado continua entre os corpos lunares projetando-se desde eles a qualquer lugar da natureza.
Os MÉDIUNS do ESPIRITISMO emprestam suas matérias ou veículos físicos a esses EUS dos mortos. Tais EUS mesmo quando dão provas de sua identidade, ainda que demonstrem ser o verdadeiro morto invocado, não são o REAL SER do falecido. O Karma dos MÉDIUNS em suas vidas posteriores é a EPILEPSIA. Todo sujeito epilético o é, porque em sua passada vida foi médium espiritista ou espiritualista". ( V.M. Samael Aun Weor )


CORPO, ALMA E ESPÍRITO

O Mestre Samael nos ensina que o homem é um trio de CORPO, ALMA E ESPÍRITO. A ALMA é o agente anímico que intermedia o CORPO e o ESPÍRITO. O ESPÍRITO É DEUS dentro do próprio homem e não pessoas desencarnadas, obviamente. O objetivo primordial da vida consiste em despertar a consciência e desenvolver a Essência, que é uma pequena fração de Alma, para que ela se LIGUE e se UNA a seu bem amado, o ESPÍRITO ( que é ÁTMAN, o MESTRE INTERNO, uma parte superior de nosso SER ) e que precisa dos corpos solares para poder se manifestar.

Veja aí o grande erro do espiritismo que é chamar os falecidos de “ESPÍRITO”, porque ESPÍRITO é DEUS; é ÁTMAN, é o CRISTO ÍNTIMO que deve nascer dentro de nós e que, portanto, o ESPÍRITO não é o falecido, nem entidades que falsamente se dizem ser extraterrestres, mestres ou outra entidade qualquer que se manifesta nos médiuns.
O Espírito é o SER DIVINAL e ELE necessita que sua Essência/Alma fabrique os CORPOS SOLARES ( astral, mental e causal ) para que possa se manifestar no homem e realizar a grande obra, além de ajudar a humanidade para elevar o nível moral, social, cultural e espiritual das civilizações.

Os corpos solares somente podem ser engendrados através da TRANSMUTAÇÃO DAS ENERGIAS SEXUAIS, uma questão de ALQUIMIA SEXUAL; uma questão de MAGIA SEXUAL BRANCA ( Tantrismo branco ) sem a qual não é possível a manifestação de ÁTMAN e do CRISTO ÍNTIMO, que é o ESPÍRITO. Por isso que se diz que o corpo físico é o templo de nosso SER, pois que é o LABORATÓRIO ALQUÍMICO de nosso SER SUPERIOR, de nosso DEUS INTERNO e que JAMAIS pode ser invadido, interferido ou incorporado por entidades através de procedimentos mediúnicos.


É preciso entender o que é ESPÍRITO e quem é o ESPÍRITO. O Espírito é DEUS e não a entidade falecida que se manifesta no médium. Deus não usa do mediunismo para se manifestar no homem, porque isso vai contra as LEIS DE DEUS. O que ele necessita são dos CORPOS SOLARES para poder se manifestar. Se o Mestre Interno se manifestasse no indivíduo sem que o mesmo tenha criado os corpos eletrônicos ou solares, o indivíduo morreria, tal é a voltagem de nosso REAL SER.

JESUS não é médium, BUDA nunca foi médium, Krishna jamais foi médium, Pitágoras, Sócrates, Platão, Zoroastro, Maomé, Moisés, Dante Aleghieri, Paracelso, Saint Germain não eram médiuns. Os VERDADEIROS MESTRES não usam de PSICOGRAFIAS, de PSICOAUDIÊNCIAS, CANALIZAÇÕES e nem de INCORPORAÇÕES para deixarem suas mensagens, pois somente com a alma unida com seu Deus Interno é que fala o SER e não entidades desencarnadas. Ali fala a ALMA unida ao ESPÍRITO; ali fala o FILHO DO HOMEM, naquele estado pleno onde o DIVINO( Espírito ) se humaniza e o HUMANO( Alma ) se diviniza.
Mas este estado de êxtase contínuo e de deleite espiritual somente é possível para quem criou os CORPOS SOLARES DE MANIFESTAÇÃO DO SER. Não tem nada a ver com eus doutrinadores, enganadores e santarrões que controlam o veículo físico do médium para deixar mensagens sempre imprecisas, distorcidas, mentirosas e subjetivas, nas sessões mediúnicas.

No Espiritismo não há TRANSMUTAÇÃO DAS ENERGIAS SEXUAIS. No Espiritismo não há eliminação do Ego através de nossa MÃE DIVINA particular e individual ( Deus Mãe ). No Espiritismo o que há é equívoco, subjetivismo, distorção e mediunismo.

O Mestre Samael, no começo, em sua busca pelo conhecimento superior, conheceu o Espiritismo quando tinha tão somente 12 anos. Depois logo abandonou estas leituras por não encontrar o conhecimento real que buscava. Depois frequentou as escolas Teosofia, Rosa-Cruz( F.R.A.) e que depois também se afastou, vindo somente adquirir a MAESTRIA e a SABEDORIA por ter praticado a MAGIA SEXUAL BRANCA e a ELIMINAÇÃO DO EGO, ferramentas estas indispensáveis para se chegar ao SER e a ALTA INICIAÇÃO. Não é a instituição ou escola que faz do indivíduo um INICIADO e sim a prática com as CHAVES DA GNOSIS. 


“Os fariseus e os escribas tomaram as CHAVES DA GNOSIS. Eles não entraram e nem deixaram entrar aqueles que queriam entrar. Vós, no entanto, sede sábios como a serpente e manso como as pombas”. ( Jesus Cristo – Do Evangelho de São Tomé )

Veja mais em:

_____________________________________________


Gnose Samael Gnosis Gnósticos 
Gnósticos da Era de Aquário 
Em defesa do V.M. Samael Aun Weor 
https://plus.google.com/108380288556674555526/posts 
https://plus.google.com/101778196056713393835/posts 
https://plus.google.com/collection/wsZtAB 
.

O KARMA PODE SER QUITADO COM AS BOAS OBRAS


Relatos transcendentais do V.M. Samael sobre o Karma

Vamos introduzir, abaixo, alguns trechos das explicações que nos deu o V.M. Samael Aun Weor a respeito do karma. O leitor poderá notar que o Mestre Samael usa a expressão OS NEGÓCIOS como forma de saber anular o nosso karma e refere-se a nós com o termo de HUMANÓIDES não por ofensa, é claro, mas porque não nos encontramos ainda no estágio de HOMEM.  Quando nascemos e ganhamos o corpo físico é porque entramos no REINO HUMANÓIDE e com o desenvolvimento espiritual,  verdadeiro , alcança-se o estado de HOMEM, depois o de SUPER-HOMEM e por fim o de um DEUS quando integra-se integralmente com o nosso CRISTO-DEUS , tal como aconteceu com o grande mestre gnóstico JESUS, por isso ele se chamar JESUS CRISTO, porque havia integrado-se totalmente com CRISTO. O objetivo da criação é levar o humanóide ao encontro de DEUS; é transformar o humanóide em um um HOMEM-DEUS, se assim quiser, e esta oportunidade é igualmente para todos; para todas as Essências.
Os DEUSES são mestres cristificados, que encarnaram a Santíssima Trindade PAI , FILHO ( Cristo ) e ESPÍRITO SANTO, por isso terem muita SABEDORIA, AMOR e PODERES extraordinários e encantadores que seria tido como ficção para os intelectuais desta era final; todavia, o tópico em questão não é esse e sim a Lei do Karma que necessitamos compreender para saber negociá-lo. A palavra KARMA significa correção, dor, pena, pezar. A palavra DARMA, ao contrário significa prêmio, recompensa, ganhos materiais ou espirituais. Quem faz caridade ganha recompensas materiais; quem  trabalha pela espiritualidade verdadeira, pelo despertar da consciência, ganha recompensas espirituais. Quem faz boas obras é recompensado pelos SENHORES DA LEI com o Darma nesta vida  ou numa próxima existência. Quem transgride a natureza, quem pratica a injustiça, a enganação e faz más obras tem como consequência o Karma. 
.
Dizia o V.M. Samael Aun Weor: "Escrito está que o que semeia raios colherá tempestades"
.
Cada alma leva dentro de si mesma uma BALANÇA DA JUSTIÇA que contém dois pratos: o prato kármico e o prato dármico. Se fazemos boas obras enchemos o prato dármico da balança, então negociamos o Karma etc. Se fazemos más obras enchemos o prato kármico da balança, então vem-nos as perdas, o condicionamento e a dor; porém, nem tudo é Karma, porque existem perdas que não vem pelo karma e sim por acidentes, ignorância, adormecimento da consciência etc.
Abaixo, relatos, vivencias e mais esclarecimentos sobre o Karma através das sábias palavras do Mestre Samael Aun Weor, que é quem tem maior autoridade esotérica sobre o assunto.
 .
"Amigos meus! Reunidos esta noite, vamos estudar muito seriamente a questão esta dos negócios. Permitam-me a liberdade de lhes dizer que não estou falando de negócios profanos. Quero referir-me, de forma enfática, aos negócios do Karma. Antes de tudo, é necessário que as pessoas entendam a palavra sanscrita karma.
Não é demais asseverar que tal palavra, em si mesma, significa lei de ação e consequência. Obviamente, não existe causa sem efeito, nem efeito sem causa. Qualquer ato de nossa vida, bom ou mau, tem suas consequências"...
( Do livro Sim Há Inferno, Sim Há Diabo, Sim Há Karma)
.
 JUSTIÇA e MISERICÓRDIA; 
as duas colunas torais do Tribunal Superior Divino que é formado por Anúbis e seus 42 juízes da lei divina.
.
"Afortunadamente, meus caros amigos, a justiça e a misericórdia são as duas colunas torais da Fratemidade Universal Branca. A justiça sem misericórdia é tirania; a misericórdia sem justiça é complacência com o delito. Neste mundo de desditas em que nos encontramos , faz-se necessário aprender a manejar os nossos próprios negócios, para rumar o barco da existência através das diversas escalas da vida.
O karma é negociável e isto é algo que pode surpreender muitíssimo aos sequazes de diversas escolas ortodoxas.
Certamente, alguns pseudo-esoteristas e pseudo-ocultistas tornaram-se demasiado pessimistas em relação à lei de ação e consequência. Supõem, equivocadamente, que esta se desenvolve de forma mecanicista, automática e cruel. Os eruditos creem que não é possível alterar tal lei. Lamento muito sinceramente ter que dissentir dessa forma de pensar. Se a lei de ação e consequência, se o nêmesis da existência não fosse negociável, então , onde ficaria a misericórdia divina? Francamente, eu não posso aceitar crueldade na DIVINDADE. O real, aquilo que é todo perfeição, isso que tem diversos nomes tais corno TAO, AUM, INRI, SEIN, ALÁ, BRAHMA, DEUS , ou melhor dizendo, DEUSES, etc., etc., etc., de modo algum podia ser algo sem misericórdia, cruel, tirânico, etc. Por tudo isso, repito, de forma enfática, que o Karma é negociável.
Quando uma lei inferior é transcendida por uma lei superior, a lei superior lava a lei inferior.
Fazes boas obras, para que pagues tuas dividas. 
Ao leão da lei se combate com a balança.
Quem tem com que pagar, paga e sai bem em seus negócios; quem não tem com que pagar, pagará com dor.
Se num prato da balança cósmica pomos as boas obras e no outro as más, é evidente que o Karma dependerá do peso da balança. Se pesa mais o prato das más ações, o resultado serão as amarguras. Não obstante, é possível
aumentar o peso das boas obras no prato fiel da balança e, desta forma, cancelaremos Karma, sem necessidade de sofrer. Tudo o que necessitamos é fazer boas obras para aumentar o peso do prato das boas ações.
Agora compreenderão os senhores , meus bons amigos , o maravilhoso que é fazer o bem; não há dúvida de que o reto pensar, o reto sentir e o reto obrar é o melhor dos negócios. Nunca devemos protestar contra o karma; o
importante é saber negociá-lo..."( Do livro Sim Há Inferno, Sim Há Diabo, Sim Há Karma)

"O karma é uma medicina que se nos aplica para nosso próprio bem. Desgraçadamente, as pessoas, em vez de se inclinar reverentes ante o eterno Deus vivo, protestam, blasfemam, justificam-se a si mesmas, desculpam-se
nesciamente e lavam as mãos como Pilatos. Com tais protestos não se modifica o Karma; ao contrário, torna-se mais duro e severo.
Reclamos fidelidade do cônjuge, quando nós mesmos fomos adúlteros nesta ou em vidas precedentes.
Pedimos amor, quando fomos desapiedados e cruéis. Solicitamos compreensão, quando nunca soubemos compreender a ninguém, quando jamais aprendemos a ver o ponto de vista alheio. Anelamos ditas imensas, quando fomos sempre a origem de muitas desditas.
Quiséramos nascer num lar muito formoso e com muitas comodidades, quando não soubemos, em passadas existências, brindar nossos filhos com lar e beleza. Protestamos contra os insultadores, quando sempre insultamos a
todos os que nos rodeiam. Queremos que nossos filhos nos obedeçam, quando jamais soubemos obedecer a nossos pais. Molesta-nos terrivelmente a calúnia, quando nós sempre fomos caluniadores e enchemos o mundo de dor. Fastía-nos a fofoca, não queremos que ninguém murmure de nós e, não obstante, sempre andamos entre intrigas e murmúrios, falando mal do próximo, mortificando a vida aos demais. Quer dizer, sempre reclamamos o que não demos. Em todas as nossas vidas anteriores fomos malvados e merecemos o pior; porém supomos que se nos deve dar o melhor.
Os enfermos, em vez de se preocuparem tanto por si mesmos, deveriam trabalhar pelos demais, fazer obras de caridade, tratar de sanar a outros, consolar os aflitos, levar o médico aos que não tem com que pagá-lo, distribuir medicamentos, etc., e assim cancelariam seu Karma e se sanariam totalmente. Aqueles que sofrem em seus lares deveriam multiplicar sua humildade, sua paciência e serenidade. Não contestar com más palavras, não tiranizar o próximo, não enfastiar os que nos rodeiam, saber desculpar os defeitos alheios com uma paciência multiplicada até o infinito. Assim cancelariam seu Karma e se tomariam melhores.
Desgraçadamente, meus queridos amigos, esse ego que cada qual leva dentro faz exatamente o contrário do que aqui estamos dizendo. Por tal motivo, considero urgente, inadiável, impostergável, reduzir o mim mesmo a poeira cósmica". (  Samael Aun Weor - Do livro Sim Há Inferno, Sim Há Diabo, Sim Há Karma. )

"Hoje estive refletindo na desgraça de nosso mundo. Quão felizes seriam estes humanóides intelectuais se nunca tivessem tido isso que se chama ego, eu, mim mesmo, si mesmo. É indubitável que o ego comete inumeráveis erros, cujo resultado é a dor.
Se estes humanóides racionais estivessem desprovidos de ego, seriam simplesmente elementais naturais belíssimos, inocentes, puros, infinitamente ditosos. Imaginai por um momento , queridos amigos , uma terra assim , povoada por milhões de inocentes humanóides desprovidos de ego e governados por reis divinos, deuses, hierofantes, devas, etc., etc., etc. Obviamente, um mundo assim seria certamente um PARAÍSO, um planeta de bem-aventurados". ( Do livro Sim Há Inferno, Sim Há Diabo, Sim Há Karma ).
As almas retornam ao mundo em um novo corpo físico. Os mestres reencarnam. Retorno inconsciente é para as Essências; Reencarnação é para os Mestres.

"...Todo ser vivente,  ao morrer, leva, mais além da morte, o átomo semente de seu corpo físico... Os Senhores do Karma depositam tal átomo no zoosperma fecundante, a fim de que possamos reincorporar-nos. A extremidade do FIO MAGNÉTICO está unido a tal átomo... Qualquer criatura, durante o sono normal, sai do corpo para viajar, muitas vezes, a remotas distâncias: o FIO DA VIDA se alonga até o infinito e sempre nos permite regressar ao corpo físico. Ao morrer, os Anjos da Morte cortam esse fio prateado e, então, é óbvio, já não podemos regressar ao corpo físico... 
 Eu, adiantando no tempo, não ignorava nada disso e, pacientemente, aguardava os Senhores da Lei: anelava reencarnar-me sob a constelação de Leão... Mas, reflexionando um pouco, disse a mim mesmo:
_Que faço eu aqui? Devo aguardar ordens de meu Pai?
Ademais, foi-me dito que durante este Mahamvantara não voltarei a ter mais corpo físico... Reflexionando assim, levantei-me e saí desse lugar sagrado. 
É ostensível que os Mestres podem escolher, à vontade, o sígno zodiacal sob o qual vão se reencarnar... 
 No templo zodiacal, dentro do Sancta escolhido, aguardam os Iniciadores dos Senhores do Karma, com o propósito de relacionar-se, psiquicamente, com o zoosperma fecundado que, navegando entre as águas da vida, há de conduzi-los ao mundo físico, sob a regência da constelação escolhida. 
Para os Buddhatas (Essências) inconscientes do vale doloroso do Samsara, tudo é diferente: desencarnam sem sabê-lo e se reincorporam automaticamente, sob qualquer signo...
Nisto do retomo não existe injustiça: os Mestres do Karma elege o signo zodiacal daqueles que dormem...
Quando inalamos pela primeira vez, ficamos impregnados, intimamente, pela estrela que há de governar nossa nova existência... 
No livro maravilhoso do Zodíaco, está escrito o destino de toda criatura que volta ao mundo..." ( Trechos do capítulo  A Lei do Karma do livro 'Mistério do Áureo Florescer' do V.M. Samael Aun Weor ) 

"Não somente se paga Karma pelo mal que se faz, senão pelo bem que se deixa de fazer, podendo fazê-lo...  Cada má ação é uma letra que firmamos para se pagar na vida subsequente..."( V.M. Samael Aun Weor )

 A Mãe Divina ( Deus como Mãe em nosso interior ) pode perdoar nosso Karma, quando existe verdadeiro arrependimento. 

"Eu devia Karma de vidas anteriores e fui perdoado. Já se havia anunciado o encontro especial com minha Divina Mâe Kundalini. Sabia muito bem que, ao chegar a determinado grau esotérico, seria levado a sua presença. E, certamente, chegou o ansiado dia e fui conduzido ante Ela; um adepto da Fraternidade Oculta me tirou do corpo físico , no Eidolon, e me levou ao oratório... Vi no muro do Sancta, um misterioso obelisco no qual resplandecia uma madona terrivelmente divina; era minha Mãe... Estático, ajoelhado, prostrado, em tremenda adoração, chorei, clamei, supliquei... Aquela madona se desprendeu do obelisco e veio a mim como síntese maravilhosa da Sabedoria, do Amor e do Poder. Impossível explicar, com humanas palavras, o que nesses instantes de êxtase senti; nela estava representado o melhor de todas essas mãezinhas que tive em minhas variadas reencarnações. Porém... é óbvio que ela ia mais longe, devido às suas infinitas perfeições. Em um par de cômodos sofás sentamo-nos, frente a frente, muito juntos, filho e Mãe... Algo tinha que pedir e falei com uma voz que me assombrou a mim mesmo.
_ Peço-te que me perdoe todos os meus delitos cometidos em vidas anteriores, porque sabes que, hoje em dia, seria incapaz de cair nestes mesmos erros.
_ 'Sei, filho meu' Respondeu minha Divina Mãe com voz de paraíso, cheia de infinita ternura.
_ Nem por um milhão de dólares voltaria eu a repetir esses erros, continuei dizendo...
_'Que é isso de dólares, filho meu? Por que dizes isso? Por que falas assim?'...
_ Dispensai-me Mãe minha? O que sucede é que lá, naquele mundo físico vão e ilusório onde vivo, fala-se assim".
_ 'Compreendo filho meu' Respondeu minha Mãe. E , com estas palavras, eu me senti reconfortado...
_ Agora sim, minha Mãe! Peço que me bendigas e me perdoes! Exclamei, cheio de beatitude suprema...
Terrível foi aquele momento em que minha Mãe, de joelhos, prostrada, com infinita humildade, me bendisse, dizendo:
_ 'Filho meu, estás perdoado..' 
_ Permite que beije os teus pés, Mãe minha! Exclamei. Então, ó Deus! Ao depositar o ósculo místico em seus divinais pés, descobri certo símbolo equivalente ao do sagrado lavatório da Última Ceia.
É ostensível que captei, intuitivamente, a profunda significação de tal símbolo... Já havia dissolvido o eu pluralizado nas regiões minerais de nosso planeta Terra; mas, devia seguir morrendo nos infernos da Lua, Mercúrio, Vênus, Sol, Marte, Júpter, Saturno, Urano e Netuno... Mais tarde, depois de haver investigado certo erro muito lamentável de minha passada reencarnação, estive  a ponto de ser atropelado por um carro no México, DF; é inquestionável que, se previamente não tivesse sido perdoado o Karma, teria parado no cemitério ou no hospital... Quando tive em minhas mãos o livro de meu próprio destino pois cada pessoa tem o seu, encontrei suas páginas em branco; as contas pendentes haviam sido apagadas por minha Divina Mãe Kundalini; só em certa página achei o nome de uma montanha onde, mais tarde, deverei viver...
_ É este algum Karma? Perguntei aos Senhores da Lei
_ 'Não é Karma' . Responderam-me. 
_ 'Ireis viver ali, para o bem da Grande Causa'.
Entretanto, este último não é obrigatório; concedem-me liberdade de eleição...
Já não devo Karma humano comum e corrente; mas, é claro que devo pagar imposto aos Senhores da Lei. Tudo tem um preço e o direito de ter um corpo físico e de viver neste mundo, temos que pagá-lo; os adeptos da Fraternidade Oculta pagamos com boas obras... Negociar com os Senhores da Lei é possível através da meditação: orai, meditai e concentrai-vos em Anúbis, o Regente mais exaltado da Boa Lei...
Para o indigno todas as portas estão fechadas, menos uma: a do arrependimento... PEDI E DAR-SE-VOS-Á; GOLPEAI E ABRIR-SE-VOS-Á.
( V.M. Samael Aun Weor - Do livro 'O mistério do Áureo Florescer' )
       
Leia mais em:
Frases do V.M. Samael Aun Weor sobre o Karma.
http://gnosesamaelgnosisgnosticos.blogspot.com.br/2017/05/frases-do-vm-samael-aun-weor-sobre-o.html


_____________________________________________


Gnose Samael Gnosis Gnósticos 
Gnósticos da Era de Aquário 
Em defesa do V.M. Samael Aun Weor 
https://plus.google.com/108380288556674555526/posts 
https://plus.google.com/101778196056713393835/posts 
https://plus.google.com/collection/wsZtAB 
.


Frases do V.M. Samael Aun Weor sobre o karma.


Frases do V.M. Samael Aun Weor  sobre a Lei de Ação e Reação conhecida também como Lei de Causa e Efeito.


"A lei de ação e consequência governa o curso de nossas variadas existências e cada vida é o resultado da anterior."( V.M. Samael Aun Weor ) 
"Imaginemos uma balança. Em um de seus pratos estão nossas boas ações e no outro as más, bem como o nosso Karma. Quando o prato kármico se inclina contra nós, poderemos combatê−lo colocando mais peso no prato das boas ações e então naturalmente inclinaremos a balança em nosso favor, anulando o “débito kármico”.( V.M. Samael Aun Weor ) 

"No mundo sutil existe um Templo dos Senhores do Karma, que se reúne no Tribunal Cósmico, onde Anúbis é o Juiz Supremo. Quando temos capital acumulado no banco cósmico, pagamos nossas dívidas e evitamos a dor. Aqueles que diariamente fazem novos depósitos no banco cósmico sempre terão um saldo a seu favor e, portanto, disponibilidade para liquidar suas dívidas. No tocante à liquidação de dívidas é preciso ter em conta a lei das analogias e das correspondências. As analogias kármicas são combatidas pelas analogias dármicas. Karma e Darma são palavras orientais e significam CASTIGO e PRÊMIO".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Obviamente, não existe causa sem efeito, nem efeito sem causa. Qualquer ato de nossa vida, bom ou mau, tem suas consequências"( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Afortunadamente, meus caros amigos, a justiça e a misericórdia são as duas colunas torais da Fraternidade Universal Branca. A justiça sem misericórdia é tirania; a misericórdia sem justiça é tolerância, complacência com o delito. Neste mundo de desditas em que nos encontramos , faz-se necessário aprender a manejar os nossos próprios negócios, para rumar o barco da existência através das diversas escalas da vida".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Os eruditos creem que não é possível alterar tal lei. Lamento muito sinceramente ter que dissentir dessa forma de pensar. Se a lei de ação e consequência, se o nêmesis da existência não fosse negociável, então , onde ficaria a misericórdia divina? Francamente, eu não posso aceitar crueldade na divindade. O real, aquilo que é todo perfeição, isso que tem diversos nomes tais como Tao, AUM, INRI, Sein, Alá, Brahma , Deus , ou melhor dizendo , Deuses, etc., etc., etc., de modo algum podia ser algo sem misericórdia, cruel, tirânico, etc. Por tudo isto, repito, de forma enfática, que o Karma é negociável".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Quando uma lei inferior é transcendida por uma lei superior, a lei superior lava a lei inferior.
Fazes boas obras, para que pagues tuas dívidas. Ao leão da lei se combate com a balança.
Quem tem com que pagar, paga e sai bem em seus negócios; quem não tem com que pagar, pagará com dor".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Se num prato da balança cósmica pomos as boas obras e no outro as más, é evidente que o karma dependerá do peso da balança. Se pesa mais o prato das más ações, o resultado serão as amarguras. Não obstante, é possível aumentar o peso das boas obras no prato fiel da balança e, desta forma, cancelaremos Karma, sem necessidade de sofrer. Tudo o que necessitamos é fazer boas obras para aumentar o peso do prato das boas ações" ( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Agora compreenderão os senhores , meus bons amigos , o maravilhoso que é fazer o bem; não há dúvida de que o reto pensar, o reto sentir e o reto obrar são o melhor dos negócios" ( V.M. Samael Aun Weor ) 

"O Karma é uma medicina que se nos aplica para nosso próprio bem. Desgraçadamente, as pessoas, em vez de se inclinar reverentes ante o eterno Deus vivo, protestam, blasfemam, justificam-se a si mesmas, desculpam-se nesciamente e lavam as mãos como Pilatos. Com tais protestos não se modifica o karma; ao contrário, torna-se mais duro e severo. Reclamamos fidelidade do cônjuge, quando nós mesmos fomos adúlteros nesta ou em vidas precedentes".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Pedimos amor, quando fomos desapiedados e cruéis. Solicitamos compreensão, quando nunca soubemos compreender a ninguém, quando jamais aprendemos a ver o ponto de vista alheio. Anelamos ditas imensas, quando fomos sempre a origem de muitas desditas.
Quiséramos nascer num lar muito formoso e com muitas comodidades, quando não soubemos, em passadas existências, brindar nossos filhos com lar e beleza. Protestamos contra os insultadores, quando sempre insultamos a todos os que nos rodeiam. Queremos que nossos filhos nos obedeçam, quando jamais soubemos obedecer a nossos pais. Molesta-nos terrivelmente a calúnia, quando nós sempre fomos caluniadores e enchemos o mundo de dor.
Fastía-nos a fofoca, não queremos que ninguém murmure de nós e, não obstante, sempre andamos entre intrigas e murmúrios, falando mal do próximo, mortificando a vida aos demais. Quer dizer, sempre reclamamos o que não demos. Em todas as nossas vidas anteriores fomos malvados e merecemos o pior; porém supomos que se nos deve dar o melhor.
Os enfermos, em vez de se preocuparem tanto por si mesmos, deveriam trabalhar pelos demais, fazer obras de caridade, tratar de sanar a outros, consolar os aflitos, levar o médico aos que não tem com que pagá-lo, distribuir medicamentos etc., e assim cancelariam seu karma e se sanariam totalmente".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Quero que os senhores compreendam que, quando tal ou qual Karma se encontra já totalmente desenrolado e desenvolvido, tem que chegar até o final, inevitavelmente.
Isto significa que só é possível modificar radicalmente o karma quando o arrependimento é total e quando toda possibilidade de repetir o erro que o produziu desapareceu radicalmente.
Kamaduro ( karma inegociável ), chegando a seu final, é sempre catastrófico. Nem todo o karma é negociável.
É bom saber também que, quando eliminamos radicalmente o ego, a possibilidade de delinquir fica aniquilada e, em consequência, o karma pode ser perdoado".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Os senhores do karma, nos Tribunais da Justiça Objetiva, julgam as almas por suas obras, pelos fatos concretos, claros e definitivos, e não pelas boas intenções. Os resultados são sempre os que falam. De nada serve ter boas intenções, se os fatos são desastrosos".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Aqueles que sofrem em seus lares deveriam multiplicar sua humildade, sua paciência e serenidade. Não contestar com más palavras, não tiranizar o próximo, não enfastiar os que nos rodeiam, saber desculpar os defeitos alheios com uma paciência multiplica até o infinito. Assim cancelariam seu karma e se tornariam melhores".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"É completamente absurdo afirmar que se escolhe de forma voluntária o lugar onde se deve renascer. A realidade é muito diferente. São precisamente os Senhores da Lei, os agentes do karma aqueles que selecionam para nós o lugar exato, lar, família, nação, etc., onde devemos reincorporar, retornar.( Samael Aun Weor ) 

"Cada um de nós tem que pagar o que deve. Escrito está que o que semeia raios colherá tempestades. Lei é lei e a lei se cumpre! É pois, muito lamentável que tantos escritores famosos da espiritualidade contemporânea afirmem, de forma enfática, que cada qual tem direito a escolher o lugar onde deve renascer. O que há mais além do sepulcro é algo que somente podem conhecer os homens despertos, aqueles que já dissolveram o ego, as pessoas verdadeiramente autoconscientes".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Aqueles que habitam o Limbo devem recapitular a vida que acabam de passar, revivê-la lentamente. Concluído tal processo retrospectivo, todos os atos de nossa vida anterior ficam simplesmente reduzidos a matemáticas. Então, os juízes do karma nos fazem retornar a este vale de lágrimas, com o propósito de que emendemos nossos erros e busquemos o caminho que há de levar-nos à LIBERAÇÃO FINAL. Isso é tudo!" ( Samael Aun Weor ) 

"Nossa Terra atual, junto com a humanidade que a povoa, é o resultado do karma cósmico e repete incessantemente os períodos históricos da lua antiga, junto com os resultados cósmicos. Qualquer grande iniciado poderá verificar , por si mesmo , o fato concreto , claro e definitivo de que antigos habitantes de Selene foram certamente cruéis e desapiedados. Os resultados os temos à vista nas páginas negras da negra história de nosso aflito mundo terráqueo".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"O único requisito que se requer para ter direito à verdadeira felicidade é, antes de tudo, não ter ego. Certamente, quando não existem dentro de nós os agregados psíquicos, os elementos inumanos que nos tornam tão horríveis e malvados, não há Karma por pagar e o resultado é a felicidade. Nem todas as criaturas ditosas que vivem em todos os mundos do espaço infinito alcançaram a maestria. No entanto, encontram-se em consonância com a ordem cósmica, porque não tem ego. Quando vivemos de acordo com o reto pensar, o reto sentir e o reto obrar, as conseqüências costumam-ser ditosas".( V.M. Samael Aun Weor ) 

"Para o indigno todas as portas estão fechadas, menos uma: a do arrependimento... Pedi e dar-se-vos-á; golpeai e abrir-se vos-á."( V.M. Samael Aun Weor )

.

_____________________________________________


Gnose Samael Gnosis Gnósticos 
Gnósticos da Era de Aquário 
Em defesa do V.M. Samael Aun Weor 
https://plus.google.com/108380288556674555526/posts 
https://plus.google.com/101778196056713393835/posts 
https://plus.google.com/collection/wsZtAB 
.